Mato Grosso do Sul sediará a VI Conferência Nacional de Defesa Agropecuária em 2017

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Mato Grosso do Sul vai sediar em setembro de 2017 a VI Conferência Nacional de Defesa Agropecuária. A data e local do evento foram definidos em reunião realizada em Campo Grande, na Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), durante visita do presidente da Sociedade Brasileira de Defesa Agropecuária (SBDA), Paulo Emílio Torres, e o Gerente da Defesa Sanitária Vegetal do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), Nataniel Diniz Nogueira, também membro da SBDA. Torres e Nogueira discutiram a agenda da conferência com o secretário de Estado de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf), Dr. Fernando Lamas.

Segundo Lamas, para Mato Grosso do Sul, que tem uma produção agropecuária expressiva, é muito importante trazer para o Estado as grandes discussões sobre as ações de defesa e inspeção. A conferência vai atrair representantes das principais instituições, tanto do setor privado quanto da esfera pública e órgãos de ensino, pesquisa e extensão. “A defesa sanitária agropecuária é muito importante para o mercado de alimentos e a economia do País, em razão do crescimento das exportações das commodities agrícolas”, avalia.

Em março, a SBDA oficiou à SEPAF sobre a escolha de Mato Grosso do Sul para sediar as discussões a serem levantadas pela conferência nacional, que será realizada, simultaneamente, ao primeiro fórum internacional de defesa agropecuária.

“Vale destacar, que a conferência já foi realizada nas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul, congregando milhares de participantes, haja vista sua característica multinstitucional e multidisciplinar, com abordagens temáticas alicerçadas em princípios técnico-científicos, refletindo suas implicações sociais, econômicas e ambientais no processo de desenvolvimento da agropecuária nacional, destacando sempre a importância da defesa agropecuária como instrumento estratégico de soberania nacional”, ressalta o presidente da SBDA, Paulo Emilio Torres.

Paulo Emílio Torres e o Nataniel Diniz Nogueira também se reuniram com o presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMV/MS), João Vieira de Almeida Neto, para tratar da organização da conferência e o empenho na afirmação de uma política de defesa agropecuária moderna. O assunto também foi discutido na sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, CREA/MS, com o presidente da entidade, Dirson Freitag e o assessor Arinson Menezes.

DSC_0304

Sobre o evento

A Conferência Nacional sobre Defesa Agropecuária será realizada em Campo Grande nos dias 3, 4, 5 e 6 de setembro de 2017. Os congressistas serão recebidos para agenda técnica, de trabalho e turística, com recepção e demonstração das potencialidades e recursos naturais do Estado, com enfoque nas belezas ecológicas e gastronomia. A agenda social prevê deslocamentos para Bonito e Pantanal. Nessa edição a novidade é a realização simultânea com a primeira conferência em nível internacional.

Fonte: IAGRO

Comentários( 0 )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*