Delegação do Crea Júnior MS na Soea visita Itaipu Binacional

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Acadêmicos dos cursos de Engenharia e Agronomia integrantes do Crea Júnior MS visitaram nessa terça-feira, 30, as instalações da Itaipu Binacional – a maior geradora de energia limpa e renovável do mundo. A visita técnica guiada incluiu um passeio pelas barragens e pelo interior da hidrelétrica.

A Itaipu Binacional teve sua construção iniciada no ano de 1975, de iniciativa de dois países: Brasil e Paraguai, sendo, então, considerada binacional. Abastece ambos os países. Na visita, foi possível conhecer a história da usina, bem conhecer os condutos que direcionam a água para o interior das turbinas, a sala de comando central, e descer até o nível onde estão as turbinas geradoras de energia.

À frente do corpo de acadêmicos, a conselheira do Crea-ES e professora, eng. eletricista Gizele Nascimento, coordenou a visita institucional à hidrelétrica. Para o coordenador estadual do Crea Júnior MS, Allan Randson, acadêmico de Engenharia Civil (UFGD), a visita contribuiu com o grupo para ampliar o conhecimento do que é uma grande obra, ou seja, vê-la executada. “A  visita técnica contribui com a formação de forma eficaz e prática para que o acadêmico, quando entra no mercado de trabalho, saiba como se dá a aplicação prática da teoria que é ensinada nas instituições de ensino”, afirmou.

O acadêmico de Geografia (UFMS), Michel Alves, classificou a visita como “produtiva”, já que permitiu aprofundar seus conhecimentos sobre a parte mecânica e ter acesso a particularidades de uma das maiores obras de engenharia do mundo. “O trabalho na área ambiental da companhia me interessou muito, já que posso utilizar como base para futuros trabalhos acadêmicos”, acrescentou.

DSC_0114

DSC_0147