Crea-MS tem projeto selecionado para receber patrocínio do Confea

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Na sessão plenária 1474 os conselheiros homologaram o resultado final da Seleção Pública de Projetos para Patrocínio nº 001/2018 do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea). Os eventos e publicações devem estimular o desenvolvimento científico, tecnológico e econômico, assim como a troca de experiências e a interação entre profissionais, empresas, instituições científicas e tecnológicas. Confira a relação dos projetos selecionados e que serão realizados entre 01 de novembro deste ano e 31 de agosto de 2019, com investimento que totaliza R$ 1.523.376,00.

De acordo com o Comitê de Patrocínios (CPAT), foram apresentados 85 projetos para patrocínio, dos quais 35 foram classificados – considerando os critérios de verificação documental, de caráter eliminatório, e de análise técnica da etapa de pré-seleção, de caráter classificatório. Foram considerados classificados aqueles que, além de preencher os requisitos de pré-seleção, alcançaram nota superior a 70 pontos, conforme prevê o edital. Além do Comitê, responsável pela elaboração do edital e pela pré-seleção dos projetos inscritos, as propostas passaram ainda pela apreciação do Conselho Diretor e do Plenário do Confea.

Saiba mais sobre a Política de Patrocínio
Por meio da Decisão Plenária nº 1106/2018, o Plenário do Confea aprovou a Política de Patrocínio que regulamenta a ação de comunicação realizada por meio da aquisição do direito de associação da marca e/ou de produtos e serviços do Confea a projeto de iniciativa de terceiro, mediante a celebração de contrato de patrocínio, com objetivo de fortalecer sua imagem institucional e contribuir para o desenvolvimento do Sistema Confea/Crea.

Em face desta Política, em agosto, o Plenário aprovou por meio da Decisão Plenária nº 1392/2018 o Edital Seleção Pública de Projetos para Patrocínio nº 001/2018 e também a disponibilização de R$ 3.000.000,00 (três milhões) para patrocínio de projetos de eventos, exposições ou publicações a serem realizados no país relacionados a temas inerentes à Engenharia, à Agronomia, à Geologia, à Geografia ou à Meteorologia.

O edital estabeleceu que os proponentes poderiam pleitear cota de patrocínio, conforme os seguintes critérios: para eventos, valor de no máximo 100 mil reais por projeto, respeitado limite de até 50% do custo total do evento objeto do projeto; para exposições: valor máximo de R$ 50 mil reais por projeto, respeitado o limite de até 25% do custo total da exposição objeto do projeto; para publicação, valor máximo de R$ 35 mil por projeto, respeitado o limite de até 75% do custo total da publicação objeto do projeto. A critério do Confea em face de sua classificação técnica, o projeto poderia ser patrocinado no valor total ou parcial da cota pleiteada.

Como contrapartidas de imagem, negocial, social e ambiental, de acordo com o foco do projeto, os patrocinados expressam o direito de associação da marca do Confea. De maneira geral, o Edital conceitua contrapartida como a associação da logomarca e autorização para o patrocinador utilizar nomes, marcas, símbolos, conceitos e imagens do projeto patrocinado, entre outras. Entre as contrapartidas de imagem, o Edital exemplifica a inserção da logomarca do Confea em peças gráficas, audiovisuais, eletrônicas, publicitárias, de sinalização, peças promocionais e de divulgação em redes sociais. Entre as contrapartidas negociais, estão previstas a cessão de mailing do evento/projeto e de estande com infraestrutura adequada, entre outras. Nas contrapartidas sociais, se estabelece a doação de produtos ou materiais do evento a instituições de caridade ou cooperativas de reciclagem. E como contrapartida ambiental, a confecção de material gráfico em papel com certificação FSC ou CERFLOR e a adoção de iniciativas para orientação do descarte consciente de pilhas, material gráfico, material eletrônico, entre outras.

Equipe de Comunicação do Confea